“Minha primeira lembrança do Idade Mídia é o momento de descoberta”

Confira na íntegra o depoimento do idademidiano Fernando Len, de 2008, publicado no livro Idade Mídia: a comunicação reinventada na escola.

Minha primeira lembrança do Idade Mídia é o memento de descoberta, não só pessoal como profissional. Me descobri uma pessoa muito mais aberta a aprender coisas novas e conhecer pessoas que pensavam de um jeito diferente do que eu pensava. Entrar em contato com várias coisas que não teria entrado em contato se não tivesse participado do Idade Mídia.

A primeira coisa que eu penso é na minha matéria com o Isaac sobre croatas e bolivianos que vieram pra São Paulo. Tínhamos pouquíssimas informações e dados sobre esses povos que conviviam com a gente e tivemos que ir atrás, conhecer a pracinha onde os bolivianos se encontravam, a casa de cultura croata. Não foi só esse deslocamento físico – que foi uma coisa totalmente nova e diferente – mas foi também o descolamento intelectual. Ter um contato pessoal com alguém que chegou em São Paulo e, de repente, estar naquele momento falando com você… Você está vivendo tudo aquilo. Assim como ele está sendo parte da história que você tá construindo você de alguma maneira está sendo parte daquela história dele. Esse encontro de pessoas que eu acho mais legal, que foi a coisa mais significativa que levei de experiência. O Idade Mídia é isso; um ponto de encontro de pessoas, ideias, pensamentos, informações. Foi lá que tive a chance de passar por tudo isso…

Clique aqui para continuar lendo.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *